Keynes como proxy

A reação que pessoas comuns têm ao serem questionadas sobre o que acham das contribuições de Keynes para a Economia é uma excelente proxy para medir a profundidade de seus conhecimentos econômicos.

Naturalmente, aquelas que reagem com opiniões radicais envoltas no debate sobre gastos públicos e expansão fiscal (sejam favoráveis ou sejam contrárias às contribuições de Keynes), sinalizam profunda ignorância econômica e desconhecimento da amplitude de suas contribuições.

Julgo que todo economista dotado de mínimo grau de maturidade intelectual reconheça a tremenda e consensual importância histórica de Keynes e a tamanha amplitude de suas contribuições para a Economia – em especial, para a Macroeconomia – que estende-se para muito além do debate fiscal.